A vida por inteiro.

O Resgate de Alma tem origem em culturas ancestrais da

humanidade. Cada vez que alguém passava por uma

experiência traumática, uma parte de sua alma se

desprendia para que a pessoa pudesse sobreviver ao

sofrimento. Logo após o acontecido, o xamã da comunidade

entrava em cena, buscando nos mundos invisíveis a parte

da alma que havia se refugiado, trazendo-a de volta. 

 

Hoje em dia, partes das nossas almas continuam a se

desprender de nós, permanecendo distantes sem que

saibamos como trazê-las de volta. Avançamos no atendimento ao corpo, na compreensão da mente, mas a alma continua cindida. É o que constato diariamente em meu trabalho como terapeuta.

 

Foi atrás de novos recursos para ajudar meus clientes (e também atrás de alguns pedacinhos meus), que viajei até os EUA para aprender este trabalho com uma das maiores referências mundiais no assunto: Sandra Ingerman.  Ela assina o artigo que você pode acessar na aba Artigos deste site.

 

O atendimento é feito inicialmente no consultório e tem desdobramentos na natureza. Após reintegrar partes da alma, o cliente pode dar continuidade ao seu processo de cura fazendo uma sessão em que devolve os pedaços da alma que tomou de outras pessoas.